• 166 poemas para começar

GÊNERO: poesia | FORMATO: 16X23 | ANO: 2020 | PÁGINAS: 270| Pólen soft 80 gr

SINOPSE: Para compensar a discreta biografia literária, Guy Monteiro escreve sua história em poemas às vezes confessionais, mas, em outros momentos, sua palavra aflora sonhos e desejos coletivos. [...] A exemplo de tantos outros poetas, Guy Monteiro inventa sua palavra, sua liberdade e os tais sonhos e desejos que o mantêm vivo. Depois da leitura de 166 Poemas, os mais atentos poderão perceber que a poesia de Guy Monteiro nem sempre é “faca na garganta”. Essa imposição só vinga quando necessária – e é uma pena que isso possa se tornar muito comum nos dias de hoje. Dependendo da ocasião, o cerebral e a inspiração levam o poeta a temas lúdicos, líricos, a algumas homenagens e um tanto de abstração teórica. Sua poesia adverte, mas também ama. Opina, mas também se omite. Agride, mas também aconselha à carícia e ao afeto. E pergunta: “Por que praticamente não há jovens publicando poesia nos dias de hoje”? Diante da lacuna, Guy Monteiro encarna toda juventude possível para arrojar-se, à beira dos sessenta e sete anos, “a começar do zero, porque nunca é tarde demais”. [Por Mauro Panella]



Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

166 poemas para começar

  • Autor: Guy Monteiro
  • Modelo: P746
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$48,00

Produtos relacionados

Pequenas impressões de um ano incerto

Pequenas impressões de um ano incerto

GÊNERO: poesia | FORMATO: 14X21 | ANO: 2020 | PÁGINAS: 80| P..

R$40,00

O poeta enquanto coisa

O poeta enquanto coisa

GÊNERO: poesia | FORMATO: 14X21 | ANO: 2020 | PÁGINAS: 170| ..

R$42,00

Ser silvestre

Ser silvestre

GÊNERO: poesia | FORMATO: 14X21 | ANO: 2020 | PÁGINAS: 74| P..

R$38,00

Etiquetas: Candeeiro