12 99754 1285

LIVROS

Livro

Caminho Pro Céu

Autora: Bruna Castelo Branco

GÊNERO: Prosa (Selo Castiçal)
ISBN: 978-85-5833-384-9 | ANO: 2018
FORMATO: 14X21 
PÁGINAS:  82 | Pólen Bold 90gr

 

SINOPSE:  A graça de Bruna Castelo é ter encontrado um ponto de costura entre a ficção e a realidade incontestável dos fatos históricos, com isto, foi capaz de dar o retoque final para compor o tecido de uma obra a qual é construída com memórias, mas também expandida aos alcances da imaginação, como afirma a autora, seu enredo é formado “por retalhos de lembranças embaraçadas e distorcidas pelo tempo”. Nas palavras de Bruna, seu livro é mais do que o universo fantasioso, ainda que não o subtrai de todo, mas possui o adicional de representar a história semelhante de um conjunto de mulheres, que com o decorrer e passagem dos anos e, as inevitáveis mudanças de gerações, compartilharam uma sina semelhante. Estas protagonistas que são de certa maneira como desdobramentos de uma personagem principal chamada Nina, a qual é na narrativa a representante afetiva e fictícia de todo um amplo de mulheres, mais específico; aquelas que precisaram vencer a etapa mais nebulosa da história machista, principalmente em voga no século XX. A história que se passa é a história das tantas famílias da época, que conheceram o abandono do Estado, do marido, e precisaram repensar as maneiras de se viver e sobreviver, para assim educarem os seus filhos, considerando uma época na qual as mulheres não possuíam voz. A narrativa é contada pelas três filhas de Nina, cada uma se encarregando de transmitir o legado de suas mães, mas de forma única, na perspectiva de personagens que conheceram, cada cal a seu modo, um lado em específico de uma mulher, que possui, na verdade, uma infinitude de potencialidades, como todo ser humano. Se a autora optou pelo relato, pela memória já deixa explícito de certo modo, uma das motivações para tal escolha deste tipo de narrativa, “é importante a preservação das memórias afetiva de um tempo”, neste sentido, mais do que se saber o conteúdo histórico, que já é importante, conhece-se assim, na identificação e empatia pelos personagens, a projeção e o impacto da organização social no íntimo do ser.

OUTRO(S) LIVRO(S) DESTE AUTOR